UCDigitalis >
IMPACTVM >
Ciências Sociais >
CEDOUA >
RevCEDOUA A. 6, nº 12 (2003) >

Utilize este identificador para referenciar este registo: http://hdl.handle.net/10316.2/8612

Título: Urbanizar o campo ou ruralizar a cidade?: alguns tópicos para uma reflexão crítica sobre a influência do binómio urbano/rural na distribuição da população no território
Autores: Morais, Paula Cândida Pereira
Palavras-chave: Direito do Urbanismo e do Ordenamento do Território
Binómio urbano/rural
Data: 2003
Editora: CEDOUA
local de publicacao: Local:Coimbra
Resumo: Res:Com o objectivo de oferecer algumas contribuições para o debate crítico acerca do tema das relações entre os fenómenos Urbano e Rural, matéria particularmente relevante para o Direito do Urbanismo e do Ordenamento do Território, pelas consequências que traz, por exemplo, à actividade de distribuição da população no território, o presente artigo reúne algumas rudimentares reflexões sobre o assunto, que se formalizam em dois tópicos: inicia-se com uma breve abordagem a algumas implicações que a manutenção do binómio urbano/rural traz às tarefas que compõem a referida actividade de distribuição da população, seguindo-se uma, também breve, incursão pela história das palavras e dos conceitos que rodeiam o Urbano e o Rural. Procurando apenas colocar “a descoberto” alguns pontos de reflexão sobre o tema em causa, não são delineadas, pelos motivos expostos no texto, soluções ou conclusões, no entanto, como orientação de leitura do presente artigo deixamos a seguinte mensagem: “A supressão da oposição cidade e campo, não só é possível, mas tornou-se uma necessidade…”
Res:In an age where the city and the urban are part of the critical discourse stemming from multiple areas of human knowledge, underling the interdisciplinary nature of the theme, and when one debates the models” – whether they may be of distribution or of development – with territorial ramifications that should guide the decision makers who are responsible for the task of country planning, the present article seeks to introduce a question in the critical debate. Parting from the belief that the activity of population distribution in a territory is heavily influenced by the relations established between the – urban and – rural phenomenons, and considering the existence of new social lifestyles that are at the origin of new spatial organisations and that keep concepts such as proximity and local demographic density away from the discourse, the author questions if the urban/rural binomial should continue to exist today. Without outlining any conclusions or solutions, due to the reasons already expressed, the reflection covers two topics. In the first one, the author points towards some of the present implications that the maintenance of the urban/rural binomial brings to the tasks which compose the activity of population distribution in the territory – such as, for example, the political tasks relative to the organisation and functioning of the Government, and the definition of some of the policies, to the legislative tasks of articulation and unification of the various legal regimes pertaining to urban matters, or to the administrative tasks of treating the building’s legal situation, of country planning (through, for example, the tasks of country and management planning) and the creation of regulamentation — and whose impacts, according to the author, are at the origin of the development of diverse asymmetries, which include, amongst others, social exclusion, economic disequilibriums and even cultural oppositions. In the second topic of reflection the author makes a brief incursion into the history of the words and concepts that surround the urban and the rural, and embarks on a visit to, for example, the roman civitates, the medieval burgs and the peripheries of modern industrial cities.
URI: URI:http://hdl.handle.net/10316.2/8612
ISSN: ISSN:0874-1093
Aparece nas colecções:RevCEDOUA A. 6, nº 12 (2003)

Ficheiros deste registo:

Ficheiro Descrição TamanhoFormato
4.pdf924,49 kBAdobe PDFThumbnail
Ver/Abrir
4.preview.pdfGenerated Preview785,16 kBAdobe PDFVer/Abrir
4.pdf2.pngGenerated Thumbnail21,15 MBimage/pngVer/Abrir

Todos os registos no repositório estão protegidos por leis de copyright, com todos os direitos reservados.